Você sabe o que observar ao visitar um imóvel?

25/10/2019


Você decidiu investir em um imóvel, então chegou a hora de fazer visitas. Nesse momento, bateu a dúvida:

O que observar ao visitar um imóvel?

A etapa de conferir se a casa ou o apartamento é o lugar certo para você é uma das mais prazerosas do processo de compra. Afinal, é hora de imaginar o cotidiano com a família, a disposição dos móveis, a decoração, etc.

Porém, também é preciso ser paciente e realista, pois além de verificar se o imóvel se encaixa nos seus sonhos, é fundamental analisar as condições do local.

Há critérios a considerar que podem afetar sua qualidade de vida e seu bolso!

Por isso preparamos este artigo! Com ele você vai conhecer esses critérios e aprender a encontrar o imóvel certo!


Afinal, o que observar ao visitar um imóvel?


Antes de chegar à etapa das visitas, faça uma pesquisa prévia e selecione os lugares que deseja ver com os próprios olhos.

Assim, se ainda não fez isso, pode começar aqui mesmo. Escolha o bairro para morar e faça visitas virtuais por imóveis de Porto Alegre.

Mas se você já tem a lista dos lugares que quer visitar ou se acabou de receber as chaves de um apartamento que comprou na planta, é hora de descobrir quais aspectos deve avaliar!

Além disso, saiba que vai precisar de alguns itens para fazer a vistoria do imóvel.

Então separe trena, balde e carregador de celular e pode partir para a visita!


1. Iluminação


A luz natural ajuda a economizar na hora de pagar a conta. Além disso, imóveis com maior incidência de sol pela manhã geralmente são mais valorizados.
Por outro lado, aqueles em que a luz solar bate em cheio à tarde tendem a gerar calor nos ambientes, dependendo da região. Por isso, podem ser desvalorizados.
Desse modo, para verificar a iluminação natural e a posição do imóvel em relação ao sol faça visitas durante o dia.


2. Ventilação


Portas e janelas abertas permitem checar a iluminação, assim como sentir a ventilação nos cômodos.
Para verificá-la, observe também a paisagem. Ter diante de si um prédio ou uma praça arborizada faz toda a diferença!
Lembre-se ainda que quintais, áreas de serviço e varandas abertas ajudam nesse quesito!
Além disso, uma boa ventilação auxilia no conforto térmico e na prevenção do mofo.
Ou seja, quanto mais ventilado, mais saudável é o ambiente!


3. Portas e janelas


Sabe mais o que observar ao visitar um imóvel?
Aspectos visuais e funcionais de portas, janelas e afins! Desse modo, verifique se essas estruturas têm:
• Arranhões;
• Falhas na pintura;
• Peças defeituosas ou empenadas;
• Frestas;
• Mobilidade ao abrir e fechar.
E já que vai avaliar as janelas, veja se elas têm telas ou grades de segurança.


4. Condições estruturais


Durante a visita preste bastante atenção a:
• Paredes;
• Tetos;
• Pisos;
• Azulejos;
• Acabamentos.
E na hora de verificar essas estruturas, vale a pena seguir as seguintes dicas:
1. Ao checar os azulejos, bata em um por um para ver se há algum oco ou solto;
2. Fique alerta caso encontre rachaduras, infiltrações, mofo ou qualquer outro prejuízo;
3. Se o imóvel estiver habitado, peça para arrastar móveis e quadros, pois só assim é possível ver se há problemas ocultos.
4. Caso o prédio seja antigo ou o imóvel seja usado, veja se há sinais de cupins.
Pequenos danos podem ser simples de resolver ou indícios de problemas estruturais.
Então se encontrar algum problema ou tiver dúvidas, converse com a construtora, o proprietário ou o corretor sobre as condições do local.

5. Rede elétrica


Sabe o carregador de celular? É essa a hora em que vai usá-lo!
Utilize-o para verificar o funcionamento de todas as tomadas, caso a energia esteja ligada.
E mais o que observar ao visitar um imóvel?
Anote aí!
• Número de tomadas;
• Se elas estão bem localizadas;
• Amperagem (10A ou 20A), que deve ser adequada aos equipamentos que possui;
• Condições dos interruptores e bocais;
• Caixas de disjuntores;
• Sinais de superaquecimento, como marcas de queimado e fios derretidos.
Caso seja necessário, chame um eletricista capacitado para te ajudar nesse momento.
E se o imóvel for antigo, a rede elétrica merece atenção especial, porque pode não suportar a demanda dos aparelhos e equipamentos atuais.

6. Hidráulica


Além de infiltrações e vazamentos, outros sinais podem indicar algum problema na parte hidráulica. Dessa maneira, ao visitar o imóvel, teste:
• Registros;
• Válvulas;
• Torneiras,
• Chuveiros,
• Vasos sanitários;
• Descargas.
Além disso, encha o balde com água e despeje nos ralos um a um. Assim, verifique a vazão e se há formação de poças.
Dica: não esqueça da caixa d'água! Ela está devidamente tampada? Onde está localizada? Como é o acesso? Há espaço suficiente ao redor para a limpeza periódica?
Dê uma boa olhada!

7. Memorial descritivo


Em imóveis novos é indicado verificar se a obra foi finalizada conforme o memorial descritivo. Ou seja, o documento que detalha todos os itens do projeto.
Por exemplo, ele descreve o que deve ter na edificação, acabamento e metragem dos espaços.
Então cheque se os itens listados acima seguem o memorial descritivo. Além disso, use a trena e confira as áreas dos ambientes privativos.
Analise tudo, até a vaga na garagem!
E mesmo se visitar um imóvel usado, saber a metragem dos cômodos é muito útil. Ajuda na hora de decorar e de distribuir os móveis!

8. Condomínio


Além do imóvel, dê uma boa olhada no condomínio, se for o caso.
Se o apartamento for novo, também há informações sobre as áreas do prédio no memorial descritivo.
Porém, se for um imóvel usado, verique:
• Serviços que o condomínio oferece;
• Espaços comuns e de lazer;
• Elevadores e escadas;
• Existência de câmeras de segurança;
• Se há porteiro 24 horas.
Aproveite para tirar dúvidas com moradores e funcionários e verificar o que está incluso no valor do condomínio. Por exemplo, chamada extra e IPTU.

9. Vizinhança


Antes de escolher o imóvel, procure descobrir se há vizinhos barulhentos por perto. Assim, fique atento a ruídos durante a visita.
Converse também com moradores e comerciantes do bairro, pois eles podem te contar mais sobre o lugar.
Confira ainda quais comércios e serviços há nas proximidades, a oferta de transporte público e informe-se sobre infraestrutura urbana básica.
Além disso, caso queira saber mais sobre o que avaliar quanto à localização do imóvel, leia nosso artigo sobre como escolher o bairro para morar.
Ele traz tudo que precisa saber!


E agora que descobriu o que observar ao visitar um imóvel, carregue sempre o checklist em mãos!
Lembre-se também de não se ater à decoração do imóvel!
Assim, esteja ele habitado ou seja um apartamento modelo decorado, tente ver o potencial do lugar!

E já que você vai passar por vários locais antes de fechar negócio, que tal organizar suas visitas e comparar rapidamente todos os imóveis pelos quais passou?
Isso é possível com a planilha Meu Controle de Visitas a Imóveis, que preparamos especialmente para você!
Baixe agora mesmo! É de graça!